Quer contratar a Ribeira Dedetizadora e Desentupidora?Solicite um orçamento!

Como tratar broca de madeira?

Para tratar broca de madeira são utilizadas 04 formas de tratamento com inseticidas: Imersão, pincelamento, aspersão ou pulverização e injeção. Estes processos para tratar são usados principalmente para eliminar insetos xilófagos, dentre os mais conhecidos são, cupins madeira seca e broca de madeira.

Vários venenos para matar broca de madeira usados para esses tratamentos são incolores ou de coloração pouca intensa, não afetando, portanto, o aspecto das peças de madeira tratadas, e alguns produtos são fornecidos já prontos para serem utilizados.

Principais produtos para tratar broca de madeira

Os produtos para tratar broca de madeira são constituídos basicamente de compostos químicos:

  • Piretróides;
  • Neocotinóides;
  • Fenil Pirazol;
  • Éteres difenílicos.

Todos os produtos citados acima para tratar as brocas de madeira são diluídos em veículos orgânico, como querosene (atualmente é pouco utilizado devido a característica de ser altamente inflamável) e isoparafina (melhor composto a ser utilizado como diluente do produto químico), nunca em hipótese alguma o veneno deve ser diluído em água, pois isso pode acabar danificando a madeira tratada.

A escolha do solvente orgânico deve ser feita com muito cuidado, uma vez que a madeira é um material higroscópico e pode apresentar variações dimensionais indesejáveis quando exposta a água. Estes preservativos são indicados para o tratamento curativo e/ou preventivo de madeira através dos processos listados abaixo.

1. Tratar broca de madeira com o procedimento de imersão

É aconselhável a imersão quando se deseja tratar um grande número de peças contra o ataque de broca de madeira, principalmente as de pequenas dimensões. A madeira deve estar previamente limpa, seca e livre de impermeabilizantes.

Usar no tratamento contra broca de madeira produtos diluídos em solventes orgânicos leves, de baixa viscosidade e, preferencialmente, incolores. Como a velocidade com que a madeira recebe o preservativo decai com o tempo, não há grande vantagem em que a imersão se prolongue durante muito tempo. Por isso, o tempo pode ser limitado em cerca de 1 a 5 minutos. Durante o tratamento, as peças de madeira devem ser totalmente submersas no inseticida.

Nos intervalos prolongados entre os tratamentos da broca de madeira, o recipiente utilizado para imersão deve permanecer coberto para evitar a evaporação do solvente e a queda de impureza no seu interior.

Depois de retirada a madeira do banho, deixa-se escorrer o excesso de inseticida e coloca-se a peça de madeira para secar à sombra, em ambiente seco e bem ventilado. Nestas condições, as madeiras provavelmente estão novamente secas dentro de 48 horas e livre totalmente da broca de madeira.

2. Tratar broca de madeira com o processo de pincelamento

Esta forma de tratar a madeira é indicada para peças que não podem ser imersas, como peças de grandes dimensões que estão sofrendo com infestação de broca de madeira, peças fixas, etc. A madeira deve estar previamente limpa, seca e livre de impermeabilizantes.

O produto inseticida diluído utilizado no tratamento deve ser cuidadosamente pincelado em abundancia e as peças tratadas devem ser colocadas à sombra, em local seco e bem ventilado para a secagem. Se a madeira estiver absorvendo rapidamente o produto químico, outras demãos devem ser aplicadas.

Esse processo para tratar a madeira com o inseto broca deve ser bastante farto nas regiões de topo, ou seja, nas superfícies perpendiculares às fibras e elementos condutores da madeira. A secagem deve ocorrer num período de 24 a 48 horas.

3. Tratamento contra broca de madeira com pulverização ou aspersão

O tratamento de aspersão ou pulverização na eliminação da broca de madeira é indicado para peças de grandes dimensões e peças fixas, sua principal vantagem é a rapidez de execução e eficiência. Para a maioria das situações é recomendado o uso de pulverizadores manuais que possam fornecer fluxo contínuo do produto inseticida diluído em baixa vazão.

Da mesma forma que os processos para tratar anteriores, a madeira deve estar limpa, seca e sem impermeabilizantes. Se a madeira absorver rapidamente o inseticida, uma segunda aplicação contra a broca pode ser executada, se necessário. Em locais secos e ventilados a madeira deve estar seca em aproximadamente 48 horas.

4. Injeção, mais um método para tratar broca de madeira

Tratar com injeção a broca de madeira pode ser utilizado no tratamento de regiões internas de objetos complexos, constituídos de vários móveis de madeira, com muitas junções ou espaços vazios no seu interior ou peças fixas na alvenaria, quando o tratamento por pincelamento ou aspersão não atingir a profundidade necessária para exterminar infestações de broca nas peças de madeira. Inicialmente essas regiões críticas devem ser posteriormente injetado, de forma a atingir pontos inacessíveis as demais formas de tratar.

A injeção do veneno pode ser executada com seringas hipodérmicas ou injetores manuais de ar comprimido. Evidentemente, devem ser consideradas as implicações de ordem estrutural e estética para a execução das perfurações e aplicação da solução inseticida para tratar a infestação de broca de madeira.

É permitida a reprodução parcial ou total deste conteúdo em outros sites e/ou blogs desde que mencionada a fonte – Fonte: Ribeira Dedetizadora – http://www.ddribeira.com.br/

Compartilhe!

Web Design: