This domain has recently been listed in the marketplace. Please click here to inquire.

spamcheckr.com

Quer contratar a Ribeira Dedetizadora e Desentupidora?Solicite um orçamento!

DESRATIZAÇÃO: O QUE É E COMO É FEITA A DESRATIZAÇÃO?

DesratizacaoDesratização é o nome dado ao método para exterminar ratos. Para desratizar as empresas desratizadoras utilizam raticidas granulados, peletizadas, parafinados e pó de contato. Desratização com segurança e bons resultados é com a Ribeira Dedetizadora.

Desratização – Como é feita a desratização e como funciona esse método de combate e controle de roedores urbanos, os ratos? Neste artigo vamos abordar a desratização química, mecânica e um pequeno resumo sobre a desratização biológica, além de algumas dicas para evitar que os ratos entrem em nossas casas. Tire suas dúvidas sobre a desratização agora mesmo!

Apenas um lembrete, a Ribeira Dedetizadora utiliza apenas a desratização química, não fazemos uso da desratização mecânica e muito menos da desratização biológica, ok? Nos dias de hoje, não é raro encontrar residências e estabelecimentos comerciais que sofrem com a infestação de roedores, principalmente nas grandes cidades. Por isso, a busca por serviços de desratização também tem aumentado de forma significativa.

Mas afinal, você sabe como a desratização é feita? Aprenda tudo sobre como a desratização é realizada e fique tranquilo na hora de contratar uma empresa especializada na eliminação de roedores, procedimentos chamados por alguns leigos de dedetização de ratos.

A desratização é feita e funciona mesmo? O que é a desratização? Basicamente há três formas de realizar a eliminação total de roedores de um ambiente. Pode ser feita de forma mecânica, também conhecida como física, química e também biológica. Todas podem oferecer excelentes resultados e sua indicação vai depender da quantidade de animais presentes e do próprio local em questão.

Desratização através de controle mecânico

A desratização do tipo mecânica é a mais conhecida e mais utilizada. Nela, o profissional espalha diferentes tipos de armadilhas, que tem como objetivo atrair e capturar os animais.

Há muitos tipos de armadilhas, como por exemplo, podemos citar:

  • Gaiolas
  • Alçapões
  • Guilhotinas
  • Caixas

Em cada armadilha, são colocadas iscas especiais de acordo com o tipo de rato presente. No caso de ratazanas, por exemplo, indica-se o uso de pedaços de salsicha, bacon ou até peixe. O mesmo tipo de isca também é bastante eficiente para os chamados “ratos de telhado”, muito comuns nas cidades.

Quando há uma infestação de camundongos, uma espécie diferente de rato que é caracterizado pela longa calda e extremidades afuniladas, o ideal é utilizar iscas diferentes, como por exemplo, um pão untado com pasta de amendoim.

Há ainda outros métodos físicos conhecidos, como por exemplo, os aparelhos de ultrassom e as placas de cola. O ultrassom funciona afastando os animais através da liberação de um som que é inaudível para os humanos, mas assusta os roedores. Este método nem sempre traz bons resultados.

Já as placas de cola, são consideradas cruéis com os animais, já que causam agonia e mal-estar. Também não são muito efetivas e por estes motivos, acabam sendo pouco utilizadas hoje em dia.

 

Vantagens e desvantagens em utilizar a desratização mecânica

A desratização mecânica é uma das melhores formas de se combater ratos em locais onde não é permitido ou indicado utilizar raticidas químicos. Afinal, eles que podem causar danos ao ambiente ou serem consumidos de forma acidental por animais de estimação ou crianças.

Além disso, as armadilhas podem ser colocadas em locais estratégicos, evitando que sejam encontradas facilmente e que o odor possa atrapalhar o convívio social.

A principal desvantagem é que nem sempre é possível utilizá-las, já que nem todas as espécies de roedores costumam cair nas armadilhas. Algumas espécies costumam ser muito desconfiadas e evitam se aproximar de objetos que não lhe são conhecidos.

 

Desratização através de métodos químicos

A desratização química é aquela na qual são utilizadas substâncias artificiais para matar os ratos. São desenvolvidas de forma artificial e são tóxicas. Por este motivo, somente profissionais capacitados e protegidos devem manusear este tipo de material.

A desratização química não ocasiona sofrimento do roedor, mas pode ser perigosa também para a vida de animais de estimação, como por exemplo, cães e gatos caso sejam utilizados raticidas clandestinos, como por exemplo, podemos citar o chumbinho, produto altamente tóxico que matar até mesmo uma pessoa. Para garantir uma maior segurança, é preciso sempre utilizar substâncias que sejam liberadas pela legislação vigente e pela ANVISA.

Os órgãos de controle proíbem que sejam utilizados raticidas a base de estricnina ou arsênio e nem tampouco que se comercialize qualquer tipo de material para este fim na forma líquida. Portanto, desconfie de qualquer empresa que ofereça a desratização fazendo o uso de produtos líquidos, atualmente no mercado brasileiro não existe raticidas legalizados para essa forma de aplicação.

Vantagens e desvantagens da desratização química

Esse procedimento de desratização trata-se de uma forma rápida e muito eficiente no controle de roedores. O procedimento deve ser feito somente por um profissional qualificado, para que saiba exatamente a quantidade ideal de produto a ser utilizado e em que locais deve ser colocado.

A principal desvantagem deste método está na toxidade das substâncias, que se manuseadas de forma incorreta poderão causar problemas de saúde a pessoa que estiver manuseando de forma incorreta.

Risco de ingerir o raticida? Isso é praticamente nulo…. Para a nossa segurança e da nossa família a maioria dos raticidas de primeira linha contém uma substância amargante chamada, bitrex, que previne o risco de o material ser ingerido acidentalmente por crianças e animais de estimação.

Desratização através de métodos biológicos

Apesar de existir e ser até oferecidos por alguns tipos de empresas, a desratização biológica não é recomendada pela Organização Mundial de Saúde, já que podem trazer danos e riscos à saúde humana de quem vive ou frequenta os locais onde o produto é utilizado.

O mercado já efetuou diversas tentativas dentro do mesmo conceito, mas todas trouxeram riscos muito maiores às vantagens apresentadas. Em alguns casos utilizou-se bactérias que além de causar o sofrimento e a morte lenta dos roedores, também trouxe riscos a outros animais e humanos.

Apesar de ser importante conhecer todas as formas possíveis de desratização, o método ideal só poderá ser indicado por um profissional treinado. Evite tentar combater ratos e outras pragas sem consultar uma empresa dedetizadora, pois você poderá correr sérios riscos de contaminação.

Como se proteger de uma infestação de roedores

Costumamos dizer aos nossos clientes que a melhora desratização é sempre a prevenção, ou seja, a melhor forma de se combater uma infestação de roedores está sempre na prevenção. A prevenção é sempre feita com medidas de higiene e limpeza simples e cuidados que devem ser levados a sério todos os dias.

O tripé para um controle de ratos eficiente é basicamente através de:

  • Medidas preventivas: tudo o que deve ser feito para evitar a penetração e instalação das pragas;
  • Medidas corretivas: o que devemos fazer para corrigir o ambiente, para suprimir as facilidades que a praga, no caso o rato, esteja ali encontrando para se instalar e procriar;
  • Medidas de eliminação: o que pode ser feito para o combater os ratos já existentes.

Com estas dicas, vai ficar muito mais fácil se manter longe dos roedores. Mas caso apareçam altas infestações e a situação fuja do seu controle, entre em contato com uma empresa especializada em desratização. Veja a seguir as dicas para manter os roedores longe de sua casa ou estabelecimento comercial.

Ações preventivas, uma grande aliada da desratização

  • Evite o acúmulo de entulhos e objetos
  • Mantenha o pátio sempre limpo, arejado e seco
  • Descarte alimentos de forma correta, de preferência em sacos plásticos fechados
  • Descarte dejetos de animais diariamente
  • Armazenar o lixo em recipientes tampados no aguardo da coleta
  • Lançar campanhas educativas induzindo os vizinhos e usuários a não jogar o lixo em terrenos baldios e assemelhados

Ações corretivas, imprescindível para que a desratização tenha bons resultados

  • Tapar caixas d’água e não deixar recipientes com água ao alcance dos roedores
  • Corrigir vazamentos de água de torneiras e canos condutores
  • Remover todos os alimentos atacados para outros pontos de alcance dificultado para os ratos
  • Evite deixar sacos de comida e ração no chão ou em locais abertos

Ações de eliminação, a desratização propriamente dita

  • Identificar as espécies infestantes para selecionar as melhores abordagens e técnicas de combate;
  • Implantar programas permanentes de controle de ratos;
  • Se possível, localizar e tratar os ninhos dos ratos infestantes

Considerações finais da desratização e dedetização de ratos

A desratização, também chamada de dedetização de ratos, não é tarefa fácil. Exige trabalho comprometimento, exige aplicação e, acima de tudo, exige recursos e tempo. Contudo, em nenhum centro urbano somos obrigados a ter os ratos a nossa volta, participando do nosso dia-a-dia, nos espoliando e nos causando uma série de transtornos e riscos.

Um boa desratização e manejo dos roedores vai mantê-los sob controle, em números tais que não nos cause maiores precauções. Seria possível erradicar os ratos? A resposta, surpreendente para muitos, é sim! Só depende de nossa decisão e tudo o mais que será necessário para atingir esse objetivo.

Compartilhe!

Web Design: