Quer contratar a Ribeira Dedetizadora e Desentupidora?Solicite um orçamento!

Inseto voador: Onde se escondem e como faz para sobreviver?

Um inseto voador, uma mosca, um mosquito, entra na casa pela porta ou pela janela, pode entrar também pelas frestas do telhado, caso existam. Ele também pode passar pela tela mosquiteira, se ela tiver um pequeno rasgo ou estiver muito fixada na moldura ou na janela.

Uma vez dentro de casa este inseto voador precisa sobreviver, o que significa conseguir alimento e se possível abrigo, estabelecido ele vai procurar um(a) parceiro(a) e ainda vai tentar gerar descendentes, todas essas atividades de sobrevivência já estão estabelecidas em seu DNA e não podem ser mudadas.

Um mosquito vai achar abrigo em plantas, que são muito comuns em ambientes domésticos, ali eles se escondem, ele também pode se esconder atrás ou embaixo de sofás, embaixo de mesas, atrás de armários, atrás de cortinas, todos os locais escuros, sem vento e onde eles podem permanecer sem serem vistos e eliminados. Vez ou outra saem para uma refeição rápida e retornam ao posto original.

Uma mosca não é muito diferente do mosquito, a diferença é que ela vai procurar se esconder em algum local alto, especialmente à noite, como no fio de uma lâmpada, sobre uma porta, um batente algum ponto de visibilidade para que possa perceber a movimentação e se assegurar de não ser atingida por algum inseticida.

Para se alimentar a mosca sai do seu posto e vai em busca de latas de lixo ou do próprio alimento que está sendo manipulado, nem todas as espécies de moscas buscam alimento, algumas se interessam por mais carnes, peixes e outras por alimentos em geral.

Os insetos voadores após entrarem em sua casa vão buscar um esconderijo para procriar

Esses insetos voadores, depois de conseguirem o alimento vão buscar um local para procriar e isso tudo acontece dentro da sua própria casa, após o acasalamento que costuma ser rápido as fêmeas dos mosquitos vão buscar um local para por os ovos que será um pratinho sob uma planta, um ralo, ou qualquer outro recipiente que possa abrigar os ovos, as moscas vão procurar o lixo da cozinha e do banheiro para pôr os ovos, elas podem encontrar também alimento que fique destampado e esquecido por um dia e lá colocar os ovos.

Dentro da matéria orgânica os ovos rompem em cerca de 24 horas, é muito rápido, basta deixar de recolher o lixo, por alguma razão e lá estão as larvinhas de moscas engordando no lixo, os ralos da casa também são um local importante para se proteger, algumas mosquinhas, conhecidas como moscas de ralo fazem sua ovipostura e se desenvolvem graças a matéria orgânica que existe dentro dos ralos, as paredes próximas ao ralo ficam cheias dessas mosquinhas que repousam de forma de delta formando uma visão bastante agradável.

E outros insetos, que não voam como entram na minha casa?

Os insetos que não voam muitos entram nas casas pelos ralos, por baixo das portas, pelas janelas também. Como esses insetos não têm as asas para se locomover eles gostam de pegar carona e assim se transferem de uma casa para outra sem serem percebidos. Quem faz isso mlehor do que todos os insetos é a formiga.

Essas formiguinhas que infestam as casas e apartamentos, minúsculas, que aparecem do nada para invadir o bolo que acabamos de preparar. Elas são exóticas, ou seja, não são nativas e se aclimataram muito bem ao ambiente brasileiro. Podem ser transportadas de várias formas. Podem vir no meio de frutas (são muito comuns em bananas), podem vir dentro de produtos de supermercado, no meio de vasos de plantas ou ainda dentro de lembrancinhas são infinitas.

As formigas podem vir do seu vizinho, até do prédio vizinho ou do jardim, passeiam por dentro das tubulações de energia e se distribuem em uma residência rapidamente. Se em um prédio há formigas em um apartamento, pode esperar que outros vizinhos já se queixaram do mesmo problema ou ainda irão se queixar.

 Após os insetos rasteiros entrarem em sua casa eles começam a procurar um abrigo

Uma vez que os insetos rasteiros entraram em sua casa elas começam a procurar rapidamente um abrigo, e esconderijo para esses insetos, as formigas, não falta em qualquer casa.

  • Pequenos furinhos na parede
  • Junções entre batentes de porta e paredes,
  • Pedacinhos de cimento de vedação que caem dos azulejos,
  • Motores dos equipamente de cozinha,
  • Frestas nos azulejos do banheiro, frestas nas janelas, nas varandas,
  • Todos os vasos de plantas disponiveis.
  • Todos esses abrigos existem e devem ser identificados se quisermos nos livras desses insetos.

As baratas também não são diferentes das formigas na forma de entrada nas casas. A diferença é que as baratas são mais visíveis, mais facilmente percebidas do que as formigas.

  • Mas elas também entram nas residências pelos ralos,
  • Debaixo de portas,
  • Além de serem transportadas em embalagens de alimentos.
  • É muito comum a presença de pequenas baratas em caixas de ovos de papelão.
  • Aliás, papelão e madeira são dois materiais muito apreciados pelas baratas como abrigo, pois são esquecidos e protegem os iinsetos.

Uma vez que as baratas entram na casa, elas também buscam abrigos semelhantes aos das formigas. Elas precisam de frestas um pouco maiores, mas será sempre frestas, cujas paredes internas vão dar segurança a esses insetos. Quem não se queixou da presença de baratas dentro de apartamento que surgiram depois que o prédio ou que o vizinho dedetizou a casa? As bases inseticidas são também repelentes e as baratas procuram fugir desses produtos químicos e fogem para o corredor ou para outros domícilios.

É permitida a reprodução parcial ou total deste conteúdo em outros sites e/ou blogs desde que mencionada a fonte – Fonte: Ribeira Dedetizadora – http://www.ddribeira.com.br/

Compartilhe!

Web Design: