Quer contratar a Ribeira Dedetizadora e Desentupidora?Solicite um orçamento!

O que é Descupinização: Como é Feita a Descupinização Contra Cupins?

Descupinização é um tratamento projetado para impedir que os cupins entrem na estrutura. A descupinização impede que os cupins que já estão dentro da estrutura cheguem ao solo para obter a umidade necessária para sobreviver, nesse caso estamos falando do cupim subterrâneo.

Informações completas sobre a descupinização o método mais eficiente para eliminar cupins! Está sofrendo com infestação de cupins? Então você precisa saber o que é descupinização e como é feita.

Esse tipo de pragas pode destruir rapidamente móveis e até mesmo imóveis, comprometendo diretamente o seu patrimônio. Por conta disso, é importante conhecer mais à fundo as alternativas para esse tipo de problema e a descupinzação é a forma mais segura e eficiente para combater esses xilófagos.

Com o avanço da tecnologia, os métodos de descupinização também evoluíram. Hoje é possível, por exemplo, exterminar cupins sem que uma família tenha que ficar semanas longe de casa.

Além disso, também existem alternativas que conseguem prolongar os efeitos dos produtos utilizados na descupinização. E com isso, você também diminui as chances de os cupins voltarem a se proliferar.

Por isso nesse artigo você irá aprender o que é descupinização, quais os tipos e cuidados e muito mais. Então não deixe de ler até o final!

Veja também:

Tudo sobre cupins subterrâneos

Informações completas sobre cupim de madeira seca

Como eliminar broca de madeira

<h2>O que é descupinização?</h2>

Mas afinal de contas o que é descupinização? Esse é um método de controle e extermínio de infestações de cupins em madeira e também no subterrâneo nos quais são utilizados produtos químicos para eliminar a colônia.

Esse tipo de controle pode ser feito de diversas maneiras. Entre os produtos utilizados estão: solventes, inseticidas e outros tipos de químicos.

Justamente por conta do uso desse tipo de produto é que esse tipo de serviço, a descupinização, deve ser feito obrigatoriamente por profissionais capacitados e que estejam com todos os equipamentos de proteção individual (EPIs).

Apenas uma equipe especializada pode realizar a descupinização. Ela poderá avaliar o tamanho da infestação de cupins e com isso indicar tanto o melhor método, como também a quantidade de produto que precisa ser usada.

Como funciona a descupinização?

Uma das dúvidas mais recorrentes entre as pessoas que procuram esse tipo de serviço é como é feita a descupinização. Tudo vai depender diretamente do tipo de infestação de cupins que você tiver.

Uma infestação de cupim subterrâneo, por exemplo, não é controlada da mesma forma que uma que afetou apenas um único móvel. Por conta disso, inclusive, que é tão importante que você contrate uma empresa especializa em descupinização.

Uma prestadora de serviços do gênero irá ter uma equipe especializada que irá visitar a sua residência, empresa ou comércio. Os profissionais farão uma análise completa do local para identificar desde o tipo de cupim que estão se multiplicando, até o tamanho da colônia.

Em casos em que existe mais de uma colônia, por exemplo, os profissionais também irão localizar os focos de cupins. Com base nessas informações é que eles irão indicar o melhor método da descupinização e tipo de produto.

Dependendo do tipo de cupim, pode ser necessário que todos as pessoas que frequentam o local se ausentam por algumas horas. Mas geralmente quando a proliferação é apenas em um móvel/peça e ainda está no começo, os profissionais podem trabalhar sem que o local tenha que ser esvaziado.

A equipe irá aplicar os produtos de extermínio de cupins em pontos estratégicos. Geralmente eles são canais de passagem para os insetos, ou dão acesso diretamente as colônias.

Dessa maneira, os cupins que não morrerem na hora irão levar o veneno até os ovos e ninfas. E com isso é possível colocar fim na colônia do inseto de uma vez por todas.

Uma coisa importante sobre a descupinização é que após a aplicação do produto, a equipe irá entregar um documento para o cliente. Nele irá constar tanto a data de realização do serviço, como a próxima data.

É muito importante que você tenha em mente que para se ver livre desse tipo de infestação, é necessário fazer o procedimento periodicamente. Assim você garante que os produtos continuarão a fazer efeito e a proteger o local.

Quais são os tipos de descupinização?

Antes de escolher uma empresa de dedetização para fazer a descupinização, é importante saber os tipos existentes. Cada método possui suas vantagens, e é necessário conhecer cada uma para entender qual a melhor alternativa para o seu caso.

1. Descupinização com barreira química

Um dos tipos de métodos de controle e extermínio é o tratamento de barreira química contra cupins. Geralmente ele é aplicado quando existem infestações no subterrâneo.

Os produtos são aplicados no solo, bem como nas fundações, paredes e teto. Dessa maneira, é possível impedir que os cupins tomem conta da estrutura.

Justamente por conta disso esse método de descupinização geralmente é mais utilizado para infestações que ainda estão no começo e não atingiram a estrutura.

2. Descupinização com tratamento em madeiramento

Outro método de descupinização amplamente utilizado é o com tratamento contra cupins em madeiramento. Ele é voltado para infestações que estão em móveis e estruturas de madeira, como: guarda-roupas, fundações, forros, camas entre outros.

Por meio desse tipo de técnica os produtos são aplicados através de furos estratégicos. Assim todos os cupins, bem como ovos e ninfas são mortos.

Em seguida, também é pulverizado um produto que ajuda a evitar novas infestações.

3. Descupinização com tratamento de conduítes

Quando existem infestações maiores, é comum que os cupins usem conduítes e outros tipos de passagens do gênero para se proliferar e chegar em outros locais. Nesse método, os produtos de descupinzação são aplicados justamente nessas passagens.

Dessa forma, os insetos são mortos antes de aumentarem a colônia, evitando assim maiores estragos nas estruturas.

4. Descupinização localizada

A descupinização localizada é utilizada em muitos casos, é muito comum que as infestações de cupins aconteçam em locais específicos, como um móvel ou uma porta. Nesse tipo de situação não é necessário dedetizar cômodos inteiros.

O produto químico é aplicado apenas no local que foi afetado pela praga. Dessa forma, é possível dedetizar apenas um móvel ou estrutura específica, evitando transtornos na rotina.

5. Descupinização com tratamento de árvores e arbustos

Entenda a importância da descupinização em árvores, muitas pessoas acreditam que os cupins são pragas que atingem apenas estruturas de madeira, o que é um erro. Existem centenas de espécies de todos os tipos, e algumas se proliferam em árvores e arbustos.

Apesar desse tipo de praga ser mais comum em zonas rurais, ele pode surgir em jardins e hortas em centros urbanos. E nesse tipo de caso é necessária a utilização de cupinicida especial.

Ele é aplicado em árvores, arbustos e outros tipos de planta. O grande diferencial desse tipo de produto é que ele possui efeito sistêmico.

Ou seja, ele é absorvido pela planta. Assim, ela consegue ficar protegida e não sofre com os efeitos desses insetos.

Além disso, o produto também acaba indo para as raízes, o que ajuda a evitar infestações no subsolo.

Cuidados na hora de fazer uma descupinização!

Quanto o assunto é descupinização, é importante tomar alguns cuidados básicos. Como ela envolve a aplicação de produtos químicos, é importante que eles sejam colocados em prática para garantir tanto a eficácia do processo, como a saúde e segurança.

1. Mantenha todos os alimentos e eletrodomésticos protegidos

Para garantir que não haja nenhum tipo de contaminação, é importante manter todos os alimentos e eletrodomésticos protegidos durante a realização do processo de descupinização. No caso das comidas, é necessário colocar os itens em potes com fechamento hermético, ou, em potes convencionais e depois enrolar tudo em plástico filme.

Itens como talheres, pratos, colheres e panelas também devem ser enrolados em plástico filme.

2. Ficar longe do local por 06 horas

Apesar de já existirem produtos menos agressivos para usar na descupinização, é sempre recomendado ficar afastado do local que passou pelo processo por pelo menos 06 horas. Esse é o tempo mínimo para os produtos fazerem efeito e depois se dissiparam no ar.

Já no caso de pessoas com condições especiais, como grávidas, idosos e pessoas com alergias, a recomendação é o afastamento por pelo menos 12 horas.

3. Deixar o imóvel bem ventilado

Mais um dos cuidados importantes para quem deseja realizar a descupinização é deixar o imóvel bem arejado. Os produtos irão agir normalmente mesmo com as janelas e portas abertas.

A diferença é que os odores e substâncias jogados no ar durante a aplicação irão se dissipar com mais rapidez. Assim você poderá voltar para casa em menos tempo.

4. Mantenha animais domésticos longe por pelo menos 24 horas

Animais de estimação como cães e gatos tendem a ser mais suscetíveis a reações alérgicas e efeitos colaterais por conta de produtos usados no processo de descupinização. Logo, o recomendado é manter os PETs longe do local por pelo menos 24 horas.

Lembrando que é importante manter a higiene dos animaizinhos após o serviço. Isso porque muitas pragas aproveitam para se agarrar nos pelos e assim irem para outros locais.

Então, uma dica é mandar o PET para o banho durante o processo. Assim ele chegará totalmente limpo e sem o risco de ter algum inseto preso nos pelos, podendo assim dar início novamente.

5. Fale para equipe onde viu os sinais de infestação

Para agilizar a identificação de colônias, você também deve informar a equipe onde viu os sinais de infestação. No caso dos cupins, as principais formas de identificar que esses insetos estão causando estragos é encontrando pó de madeira dentro de cômodos, furos em estruturas, rastro “tuneis” nas paredes ou pequenos “morros” ao ar livre.

Lembrando sempre que existem várias espécies de cupins. Logo, é possível que elas demonstrem sinais diferentes de infestação.

Por que não é o ideal tentar métodos caseiros para acabar com os cupins?

Muitas pessoas acabam apostando em métodos caseiros para tentar se livrar dos cupins, o que pode ser um erro se não for feito da forma correta. Isso porque, geralmente esse tipo de alternativa usada de forma incorreta apenas camufla a infestação e os sinais de cupim, mas sem realmente acabar com os invasores.

Ou seja, você para de ver pequenos furos nas paredes e pó de madeira, mas, os insetos ainda estão em suas colônias. Além disso, muitas opções caseiras acabam apenas com os cupins adultos, o que não garante o fim da infestação.

É muito comum que os insetos adultos morram mas deixem para trás ninfas quase prontas para se reproduzirem e ovos prontos para eclodir. Ou seja, em pouco tempo você já terá mais adultos no local.

Por conta disso, o ideal é sempre investir em um serviço profissional de dedetizadora quando o assunto é se livrar de pragas. Seja cupins, pulgas, abelhas, aranhas ou qualquer outro tipo. Somente assim será possível garantir que a sua casa, comércio ou empresa fica realmente livre desses visitantes inconvenientes.

Dúvidas frequentes sobre a descupinização

Além da dúvida do o que é descupinização, muitas pessoas também têm outras em relação ao processo, e abaixo nós vamos responder algumas delas. Confira!

1. É possível higienizar o local depois da descupinização

Sim, não há problema nenhum de higienizar o local depois da descupinização. Inclusive, é recomendado que você faça uma limpeza tanto no espaço, como em eletrodomésticos, objetos de decoração e outros itens.

Após o período de seis horas para tornar ao local, todos os produtos já fizeram efeito e a grande maioria das substâncias se dissipou no ar. Logo, não há perigo nenhum de lavar tudo.

Você poderá fazer a higienização do local, que os produtos já terão agido. Só em alguns casos pode ser que insetos começam a aparecer no espaço, uma vez que ao morrerem acabam caindo de forros e paredes.

2. É necessário manter cuidados especiais depois da descupinização?

Os cuidados após a descupinização são os mesmos para evitar proliferação. É necessário manter o ambiente sempre limpo, para evitar não só cupins como outros tipos de pragas (baratas, ratos, percevejos entre outras).

Além disso, também é importante manter um controle mais rígido sobre a umidade do local. Isso porque, locais úmidos são ideais para a reprodução de insetos de modo geral.

Então é importante manter o ambiente sempre bem arejado e evitar muita umidade.

3. Se a descupinização vai ser realizada no condomínio, eu também preciso fazer na minha casa ou apartamento?

É altamente recomendado que, caso a descupinização esteja sendo feita no seu condomínio, você também realize ela na sua residência. Quando os insetos percebem um perigo iminente, eles tendem a procurar um novo local para instalar a nova colônia.

Logo, se o seu vizinho está fazendo esse tipo de processo porque está com uma infestação (por menor que ela seja), você também deve fazer. As chances dos insetos se deslocarem até o seu lar procurando um novo local seguro são altas.

Por conta disso, inclusive, que normalmente quando o condomínio vai realizar esse tipo de processo, ele solicita que todos os moradores também façam, garantindo assim um ambiente totalmente livre de cupins.

3. Quanto tempo dura os efeitos da descupinização?

A duração dos efeitos da descupinização não dependem diretamente do método utilizado. Em média, eles tendem a durar de 12 meses, conforme informações do fabricante no rótulo do produto.

Contudo, é preciso levar em conta outros fatores. Por exemplo, se foi feito o processo para um tipo de inseto, outras espécies ainda podem tentar se instalar no local.

Por conta disso, inclusive, é recomendado fazer processo mais completos, que consigam garantir proteção para vários tipos de cupins.

4. É possível recuperar estruturas e móveis depois da descupinização?

Isso vai depender diretamente de quanto tempo você levou para fazer a descupinização, e o tamanho da infestação. Quando a colônia é descoberta ainda no começo, é possível manter a qualidade e segurança de estruturas e móveis.

Agora, se você descobriu a infestação quando ela já estava grande, há grandes chances do patrimônio ser prejudicado e não ser possível reverter os danos. Logo, o ideal é sempre atuar de forma preventiva.

5. Ao fazer a descupinização eu estou livre de outros tipos de pragas?

Não, cada tipo de praga necessita de métodos de extermínio e controle específicos. A descupinização é feita especificamente para cupins.

E mesmo assim é necessária uma análise completa da infestação, uma vez que existem centenas de espécies de cupins. Se você também estiver sofrendo com outras pragas, como percevejos, baratas e aranhas, serão necessários outros métodos de dedetização.

O bacana é que já existem empresas dedetizadoras que trabalham com alternativas que conseguem combater vários insetos ao mesmo tempo, ou que vendem pacotes de dedetização.

6. É normal encontrar insetos pelo chão ou outros locais depois da descupinização?

Sim, é muito comum encontrar insetos mortos ou morrendo em vários locais até alguns dias depois da descupinização. Isso porque eles tentarão fugir para um novo local, mas irão morrer no meio do processo.

Além disso, como eles vão levar o veneno até suas colônias, você pode encontrar cupins em diferentes estágios do ciclo de vida. Desde ovos até adultos.

Quando fazer a descupinização contra cupins?

Agora que você sabe o que é descupinização, deve estar se perguntando quando é recomendado fazer esse tipo de processo. A maioria das pessoas acredita que os cupins podem montar colônias apenas em madeiras.

Contudo, apenas uma espécie de cupins faz isso. Existem outras que podem se instalar no solo e até mesmo em árvores.

E o pior, os sinais desse tipo de infestação são tão sutis, que apenas quando a colônia já está gigantesca que muitas pessoas se dão conta que estão sofrendo com esse tipo de praga.

Por conta disso, o ideal é fazer descupinização de forma periódica. Não só para garantir o controle, mas também para ter uma rotina de prevenção.

Por meio da descupinização periódica, você conseguirá evitar que o seu patrimônio seja afetado e ainda garantir a saúde e bem-estar da sua família ou colaboradores.

Então, agora que você já sabe o que é descupinização, não deixe de contratar uma prestadora de serviços especializada. Entre em contato conosco e saiba mais sobre os serviços oferecidos.

Compartilhe!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Web Design: